Blog Do Obamacare Falha Vergonhosamente E Provoca Ameri

27 Nov 2018 08:54
Tags

Back to list of posts

TheSocialWeb1.jpg

<h1>Saiba Como Criar Um Cat&aacute;logo De Produtos Eficiente E Atrativo • Collabo</h1>

<p>Como roteirizar uma exposi&ccedil;&atilde;o? Por que precisamos formar um roteiro antes de ponderar nos slides da apresenta&ccedil;&atilde;o? A maioria das pessoas que tenho treinado comenta que entendem a seriedade de roteirizar uma exibi&ccedil;&atilde;o, por&eacute;m poucos utilizam da t&eacute;cnica. Por que isso acontece? Tenho me aprofundado sobre o tema e os principais motivos localizados foram: aus&ecirc;ncia de tempo para fazer e falta de conhecimento como fazer. Esse artigo tem o objetivo de resolver o segundo porqu&ecirc;, ou seja, como fazer! Depois de alguns anos de procura com apoio em autores que tratam do assunto e aplicando treinamentos na &aacute;rea, cheguei &agrave; conclus&atilde;o que a forma&ccedil;&atilde;o de roteiros pra apresenta&ccedil;&otilde;es podes ser feita em 8 passos.</p>

<p>Em respeito a outros m&eacute;todos ressalto que tamb&eacute;m existem algumas formas que podem ser efetivas pra atingir essa mesma finalidade. Os 8 passos est&atilde;o divididos em tr&ecirc;s etapas: Diagn&oacute;stico (prepara&ccedil;&atilde;o), Defini&ccedil;&atilde;o das Mensagens de Valor, Estrutura&ccedil;&atilde;o do Storyboard. Quem estar&aacute; presente na apresenta&ccedil;&atilde;o? Qual o n&iacute;vel de discernimento da audi&ecirc;ncia acerca dos assuntos? Os presentes possuem entendimento t&eacute;cnico?</p>
<ul>
<li>2 Economia e finan&ccedil;as</li>
<li>Permite liberdade total de fabrica&ccedil;&atilde;o e personaliza&ccedil;&atilde;o</li>
<li>Apelar pros adjetivos</li>
<li>Visualiza&ccedil;&otilde;es do Perfil</li>
<li>2# A respeito os Cursos Sem custo algum de Marketing Digital</li>
<li>1 - Mapear as compet&ecirc;ncias importantes para o neg&oacute;cio</li>
<li>Qual teu v&iacute;cio em fruta</li>
</ul>

<p>Existe um segmento da audi&ecirc;ncia que voc&ecirc; adoraria de focar? Alguns apresentadores caem no defeito de n&atilde;o mapear adequadamente esta fato e desse jeito t&ecirc;m s&eacute;rios problemas pra gerenciar a curva de aten&ccedil;&atilde;o da audi&ecirc;ncia ao longo de tuas apresenta&ccedil;&otilde;es. O segundo passo trata dos objetivos da exposi&ccedil;&atilde;o. Segundo Peter Drucker, “A melhor maneira de prever o futuro &eacute; constru&iacute;-lo”.</p>

<p>Comece a construir os resultados de tua exibi&ccedil;&atilde;o tendo compreens&atilde;o daquilo que voc&ecirc; pretende conseguir. Seja o mais espec&iacute;fico poss&iacute;vel. Qual &eacute; o prop&oacute;sito da exposi&ccedil;&atilde;o? Pra voc&ecirc;, o que significa sucesso ao desfecho da apresenta&ccedil;&atilde;o? Que reflex&otilde;es voc&ecirc; quer que sua audi&ecirc;ncia tenha? Quais s&atilde;o os pr&oacute;ximos passos que preciso de engajamento dos membros ao terminar a apresenta&ccedil;&atilde;o? O terceiro passo tem como objetivo definir os problemas que ser&atilde;o resolvidos por interven&ccedil;&atilde;o de sua exibi&ccedil;&atilde;o. Independente do tipo de apresenta&ccedil;&atilde;o, voc&ecirc; precisa transportar solu&ccedil;&otilde;es para algo, as pessoas ir&atilde;o aguardar isso de voc&ecirc;. Desse momento voc&ecirc; pode utilizar 3 abordagens: problemas, desafios ou oportunidades.</p>

<p>Geralmente sugiro que o enfoque seja nos dificuldades, j&aacute; que deste jeito voc&ecirc; estimula as pessoas a se sentirem ansiosas por n&atilde;o atingir resolv&ecirc;-lo, quebra a acomoda&ccedil;&atilde;o e estimula a a&ccedil;&atilde;o. Por&eacute;m, em algumas ocorr&ecirc;ncias os demasiado enfoques assim como conseguem gerar resultados positivos. Quais dificuldades pretendo definir pela exposi&ccedil;&atilde;o? O p&uacute;blico presente est&aacute; procurando solu&ccedil;&otilde;es pra este dificuldade?</p>

<p>O p&uacute;blico presente est&aacute; disposto a investir pela resolu&ccedil;&atilde;o desse defeito? Voc&ecirc; possui as solu&ccedil;&otilde;es necess&aacute;rias pra solucionar este defeito? &Eacute; relevante ressaltar: cuidado ao cuidar do “problema” ao longo da exibi&ccedil;&atilde;o! As pessoas em geral n&atilde;o gostam que seus erros sejam apontados. Crie um assunto que possibilite reflex&otilde;es que levaram os presentes a concluir que possuem aquele problema e que isso deve ser resolvido. Sem demora que neste instante foram levantadas dicas b&aacute;sicas a respeito do p&uacute;blico, os objetivos da apresenta&ccedil;&atilde;o e os problemas que dever&atilde;o ser resolvidos, h&aacute; uma clara tend&ecirc;ncia de que voc&ecirc; ser&aacute; mais assertivo pela constru&ccedil;&atilde;o da mensagens de valor de tua exibi&ccedil;&atilde;o. Prontamente vamos analisar os 2 passos da &eacute;poca II. Este &eacute; um dos momentos mais primordiais da prepara&ccedil;&atilde;o de um roteiro.</p>

<p>Entretanto s&atilde;o poucos os que investem o tempo fundamental para cumprir essa &eacute;poca. As mensagens de valor s&atilde;o aquelas sugest&otilde;es que voc&ecirc; desejaria que sua plateia levasse consigo. Uma mensagem de valor efetiva &eacute; aquela que perdura por dias, talvez semanas, ou at&eacute; mesmo anos na cabe&ccedil;a das pessoas que assistiram sua apresenta&ccedil;&atilde;o. Durante os anos venho pesquisando, testando e medindo v&aacute;rias metodologias para apoiar as apresentadores pela constru&ccedil;&atilde;o de mensagens, e hoje vou falar sobre este tema um dos m&eacute;todos mais efetivos que conhe&ccedil;o. &Eacute; importante ressaltar que a mensagem ter&aacute; de fazer significado pra sua plateia, sejam eles tomadores de decis&atilde;o, estudantes, empres&aacute;rios, m&eacute;dicos, etc. Diversos apresentadores se equivocam ao decidir mensagens que fazem significado somente para si pr&oacute;prios.</p>

<p>Lembre-se a mensagem n&atilde;o &eacute; por voc&ecirc;, desta forma cuidado com terminologias, com seu grau dificuldade, ou mesmo com a forma como ela ser&aacute; comunicada. Um recurso simples de constru&ccedil;&atilde;o de mensagens &eacute; desenvolv&ecirc;-las com base nos problemas, desafios ou &aacute;reas de oportunidade que a plateia possui. Se voc&ecirc; pretende ter engajamento do p&uacute;blico com suas mensagens invista o tempo for obrigat&oacute;rio nesta fase.</p>

<p>Uma das pessoas que mais teve muito sucesso ao gerar slogans em apresenta&ccedil;&otilde;es foi Steve Jobs. Jobs desenvolvia os slogans de suas apresenta&ccedil;&otilde;es e produtos como se estivesse escrevendo no Twitter, ou seja, com frases concisas que se limitavam a 140 caracteres. Ent&atilde;o aventure-se e passe a montar um slogan com uma defini&ccedil;&atilde;o ou conceito de sua corpora&ccedil;&atilde;o, produto ou servi&ccedil;o em s&oacute; uma frase em todas as suas apresenta&ccedil;&otilde;es.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License