Sorriso Maroto Grava DVD No Maracanãzinho Com Megaprodu

16 Apr 2019 08:01
Tags

Back to list of posts

<h1>Softwares De Anima&ccedil;&atilde;o 3D Para Novatos</h1>

<p>Eles optaram As Etapas De Um Desenho Animado , oficinas colaborativas cada vez mais comuns nos Estados unidos e pela Europa, em que inventores se re&uacute;nem para montar o que imaginarem. “Durante muito tempo trabalhamos como ativistas do software livre. Quer&iacute;amos uma forma de ganhar dinheiro que n&atilde;o conflitasse com nossos valores &eacute;ticos”, diz Sanches.</p>

<p>O trio decidiu fabricar um modelo com tecnologia aberta, dessa forma a possibilidade natural foi a RepRap Prusa Mendel. Primeiro, adquiriram uma Thing-O-Matic, impressora 3D fabricada na startup americana MakerBot. Faltava, contudo, dinheiro pra come&ccedil;ar a gera&ccedil;&atilde;o. Para concretizar a ideia, em fevereiro os tr&ecirc;s colocaram o projeto no blog de crowdfunding Catarse, com finalidade de arrecadar recursos. Conseguiram 30 1000 reais para come&ccedil;ar. Alguns dos colaboradores contribu&iacute;ram para ganhar, como recompensa, kits de pe&ccedil;as ou aparelhos montados. O servi&ccedil;o da startup &eacute; quase artesanal. Pela linha de realiza&ccedil;&atilde;o h&aacute; somente uma Metam&aacute;quina 3D e a Thing-O-Matic. “Conseguimos fabricar sem ter uma infraestrutura industrial”, confessa Rodrigo Silva.</p>

maxresdefault.jpg

<p>O grupo, no entanto, pretende aumentar o n&uacute;mero de impressoras funcionando paralelamente, com o objetivo de acelerar o ritmo e reduzir os pre&ccedil;os. Um paradigma testado e calibrado da Metam&aacute;quina 3D custa 3.700 reais. Bem como &eacute; poss&iacute;vel obter todas as pe&ccedil;as necess&aacute;rias pra montagem por 2.900 reais. Existem ainda kits mais baratos, sem a cota eletr&ocirc;nica.</p>

<p>At&eacute; o fim de junho, o trio tinha comercializado sete m&aacute;quinas e dezesseis conjuntos de pe&ccedil;as. Entre os interessados est&atilde;o entusiastas, ativistas digitais, arquitetos, est&uacute;dios de design, corpora&ccedil;&otilde;es de software e universidades. Quem tem uma impressora 3D raramente a deixa encostada num canto. A result&acirc;ncia &eacute; que, de uma hora para outra, podes-se virar um microempres&aacute;rio. Foi o que ocorreu com o estudante Henrique Rossi Altero, o Muringa, um dos idealizadores da corrida de carrinhos impressos pelos seus donos.</p>

<p>“Acho muito sensacional a ideia de agarrar um instrumento feito no micro computador e traz&ecirc;-lo &agrave; realidade”, diz Muringa. Bastou que constru&iacute;sse uma impressora pra que se tornasse produtor e revendedor das partes pl&aacute;sticas das m&aacute;quinas. Sua hist&oacute;ria mostra que ningu&eacute;m necessita ser um t&eacute;cnico experiente pra se aventurar nesse novo universo.</p>

<ul>
<li>Reportagem:Portal re&uacute;ne exemplos de gest&atilde;o de res&iacute;duos/Minist&eacute;rio do Ecossistema (1)</li>
<li>Ao desenhar um local observe cada detalhe, as informa&ccedil;&otilde;es executam toda diferen&ccedil;a</li>
<li>O l&aacute;pis pela m&atilde;o</li>
<li>Em um m&oacute;vel</li>
<li>69- Animando a abertura 2</li>
<li>Dois chips</li>
</ul>

<p>Os principais requisitos s&atilde;o a curiosidade pra construir e desmontar coisas, uma interessante dose de paci&ecirc;ncia e relativa desenvoltura com ferramentas. Movido na desejo de ter um novo hobby, Muringa come&ccedil;ou a desenvolver tua impressora 3D em julho de 2011. Apesar de n&atilde;o ter conhecimentos avan&ccedil;ados de mec&acirc;nica, o estudante n&atilde;o se intimidou.</p>

<p>Buscou fatos e tutoriais na internet, trocou e-mails com aficionados e importou muitas pe&ccedil;as. O padr&atilde;o feito por ele assim como &eacute; uma RepRap Prusa Mendel. O estudante levou quatro meses e gastou cerca de Tv Vai De Cl&aacute;ssicos &agrave; Maratona De 'Star Wars' Nesta Semana; Visualize Programa&ccedil;&atilde;o reais. “Hoje, acho que levaria s&oacute; um m&ecirc;s”, diz. A impressora de Muringa neste instante produziu 30 kits completos de pe&ccedil;as de si mesma e prepara-se pra fazer mais dez.</p>

<p>Se tudo correr como planejado, ter&aacute; se replicado em 40 novas impressoras, que assim como tendem a se multiplicar. A comunidade de colaboradores da RepRap estimula quem construiu um equipamento a acudir a fazer outros. O estudante segue a recomenda&ccedil;&atilde;o, contudo a procura vem sendo tanta que ele teve de parar de aceitar pedidos at&eacute; receber mais mat&eacute;ria-prima e conceder conta da fila. Com as encomendas que recebeu, prontamente conseguiu recuperar todo o dinheiro gasto para fabricar a primeira m&aacute;quina.</p>

<p>O processo de funcionamento de uma impressora 3D &eacute; relativamente f&aacute;cil. Primeiro, utiliza-se um software de modelagem tridimensional para desenhar o que ser&aacute; impresso. O processo todo leva novas horas. Poder&aacute; parecer uma eternidade, no entanto nunca foi t&atilde;o veloz desenvolver um prot&oacute;tipo. Existem, mas, limita&ccedil;&otilde;es. As impressoras 3D mais populares trabalham com dois tipos de termopl&aacute;stico, deste jeito s&oacute; oferece para gerar objetos que possam ser confeccionados com estes produtos.</p>

<p>Ambos t&ecirc;m de vir em fios com espessura de 2,9 mil&iacute;metros, com modifica&ccedil;&atilde;o m&aacute;xima de 0,um mil&iacute;metro, para n&atilde;o enroscar e interromper a impress&atilde;o, fazendo o servi&ccedil;o se Godzilla (desenho Animado) . Se encomendado nos Estados unidos, um quilo de objeto custa 280 reais. A legal not&iacute;cia &eacute; que tanto o ABS como o PLA est&atilde;o iniciando a ser comercializados no Brasil.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License